03/10/2018

EM RECESSO

Olá!


Depois de mais de três anos no ar, entramos em recesso temporário.
O acúmulo de atividades e novos projetos encurtaram o tempo  e ficou difícil continuar a publicar postagens semanais como fazemos.

A boa notícia é que voltaremos em dezembro com muitas novidades, procurando manter o mesmo nível de conteúdo que nos garantiu as quase 40.000 visualizações.

Retiramos algumas postagens que julgamos datadas demais e deixamos aquelas mais importantes para os novos visitantes.

Então... até breve! 💋


0'/>

28/04/2018

DESIGN DE LOJAS: A COR IDEAL PARA O INTERIOR

Benetton-UK

Está pensando em dar um up na sua loja, dar uma cara nova para aquele design já cansado? Público de moda ama novidades e a loja tem que se renovar sempre. Barato não é, mas dá para fazer pequenas mudanças com custos menos elevados. E pintura sempre foi o recurso mais utilizado e rápido de executar dando a impressão de loja nova.

Quando se pensa em um projeto de loja, uma das questões mais importantes é: que cor usar nas paredes? Um projeto de loja deve ser pensado não apenas com a loja vazia, sem os produtos que encherão araras e prateleiras, ao contrário, é importante prever que as coleções chegarão e em cada estação tudo muda, as cores mudam, as texturas mudam, os comprimentos mudam. Esta é a dinâmica da moda.
0'/>

13/09/2017

VISUAL MERCHANDISING: EXPOSIÇÃO EM PAREDES




As paredes das lojas são áreas que despertam a atenção dos clientes e devem ser planejadas para apresentar uma exposição dinâmica, bem longe da monotonia. A visão deve ser estimulada instigando a descoberta das ofertas. Isto gera as compras por impulso: aquelas não programadas. Vamos analisar algumas opções de exposição em paredes.
0'/>

09/09/2017

COMO PLANEJAR UMA LIQUIDAÇÃO EM LOJAS DE MODA


Finalzinho de inverno e um cheiro de primavera que já vem por aí. Época de esvaziar a loja para receber a nova coleção. Se sua loja está localizada em um shopping, você já recebeu com antecedência o calendário das liquidações. Caso contrário é válido pegar uma carona das datas dos grandes centros comerciais ou calendários de liquidações da cidade e entrar no clima. Neste post vamos dar algumas dicas para você planejar a liquidação, atrair clientes e lucrar nesta época.

Escolher as peças e definir os descontos:
É importante que você divida esses produtos em dois tipos: os vendáveis e os rentáveis, ou seja, aqueles que têm mais saída e um custo menor do que a média do seu estoque, e os que não são vendidos com frequência mas representam uma margem de lucro maior.

Se o objetivo de sua loja for o aumento das vendas, aposte nos produtos vendáveis. Mas se sua ideia for atrair novos clientes, os rentáveis são os mais indicados para entrar na liquidação.


Seja qual for a escolha, a ideia é vender mais barato, mas não ter prejuízo. A partir do valor de custo do produto, calcule o desconto em cima da sua margem de lucro.
0'/>

10/05/2017

EXPERIÊNCIA DE COMPRA: TENDÊNCIA DO VAREJO

17859838929_c1c9aa290c_b
Shopping Minto

Em um post anterior falamos sobre a experiência de compra como uma evolução natural do varejo que parte do princípio de que o estímulo dos sentidos humanos faz muita diferença no posicionamento e imagem da marca além de manter por mais tempo o consumidor na loja, o que pode resultar em um aumento das vendas. Encontramos um post no site do Retail Design Institute sobre o tema que trata não apenas de uma loja, mas de um shopping na cidade de  Monchengladbach na Alemanha. 

"O Shopping Minto tem um design diferenciado, criado pela empresa KPLUS Konzept, com a proposta de  ”fazer com que você se sinta em casa”. Desenvolvido para ser um shopping multi sensorial, o shopping integra os designs das lojas com o do próprio shopping, trazendo a interação do “ver, sentir, ouvir, saborear e cheirar”, integrando tudo de uma maneira que faça com que o cliente se sinta totalmente conectado com o próprio lar e com a natureza."
0'/>

03/05/2017

TIPOS DE LAYOUT DE LOJA: QUAL O MELHOR ?


Layout pode ser definido como o arranjo da estrutura interna da loja. É ele quem determina a localização dos equipamentos de exposição, a zona de caixa, área de descanso, local dos provadores, enfim todos os elementos que a loja vai abrigar. Existe um tipo ideal de layout? A resposta é não.Tudo vai depender do posicionamento da marca e dos produtos comercializados. Mas um bom layout deve preencher os seguintes requisitos:
  • privilegiar a circulação: consumidores não se sentem confortáveis em corredores apertados, Gostam de espaço para examinar os produtos sem a sensação de confinamento.
  • conduzir o consumidor a circular por todos os espaços da loja: criar estímulos ao longo do percurso como pontos focais, expositores diferentes, imagens de campanha, são algumas estratégias que funcionam para motivação do consumidor.
  • organizar a exposição facilitando a localização dos produtos: definir previamente onde e o que será exposto além de otimizar o espaço, favorece as compras por impulso já que pode-se montar uma exposição lógica, de fácil compreensão. Selecionar zonas por temas da coleção é um exemplo e vemos muito isto em lojas de departamento.
0'/>

26/04/2017

EXPLORAÇÃO DA MÃO DE OBRA NA MODA

Transitar no mundo da moda muitas vezes requer de nós deixar de lado a faceta glamurosa e pensar um pouco mais sobre o assunto quando vemos cenas como as que o fotografo esloveno Jost Franko documentou. É o lado sombrio da exploração da mão de obra na produção de peças baratas. O texto e imagens foram extraídos da matéria publicada pela DW e vale a pena ler.

Suar pelos ricos
Issa Gira, de 67 anos, planta algodão há vários anos em Burkina Faso, mas continua lucrando menos de um dólar por dia. Toda a família tem de ajudá-lo na lavoura, inclusive o garoto da foto. O consumidor final nem toma conhecimento das precárias condições em que vivem essas pessoas.

Garoto em galpão onde é produzido algodão


0'/>

19/04/2017

COMO ELABORAR UM MANUAL DE VISUAL MERCHANDISING


Você já parou para pensar como as grandes redes varejistas conseguem distribuir seus produtos, considerando o grande volume de itens para apresentação? 

Como já foi falado por aqui em diversos posts, Visual Merchandising cuida do planejamento e distribuição dos produtos de forma ordenada para favorecer as vendas e criar a identidade e posicionamento das marcas.

Em lojas de pequeno / médio porte o projeto de VM flui com a própria entrada de novos produtos que são distribuídos lentamente ao longo da estação. Mas as grandes redes de fast fashion, onde a rotatividade de produtos é muito intensa, necessita de um planejamento mais elaborado que é enviado aos seus departamentos de VM responsáveis pela organização das lojas.
0'/>

12/04/2017

EXPERIÊNCIA DE COMPRA: A EVOLUÇÃO DO VAREJO


Hoje fala-se muito no aumento da concorrência e disputa entre a loja física e o e-commerce. É fácil entender que a comodidade de realizar compras, pesquisar preços, formas de pagamento com todo o conforto e calma, sem se deslocar, encarar engarrafamentos, busca por estacionamento entre outros inconvenientes de quem vive em cidades de grande porte, pode ser um incentivo para o crescimento do comércio eletrônico. Mas será que isto se aplica a todos os tipos de varejo?

Comprar itens que não necessitem de provas como livros, CDs, eletrônicos em geral sem dúvida é uma excelente opção. Mas no varejo de moda, funciona tão bem? Como saber se aquele modelo de calça vai ter o mesmo resultado em nós como na modelo apresentada no site? E o tecido é confortável ou não? Mas a concorrência está aí e veio para ficar, tanto assim que no meio do varejo uma das pautas mais discutidas é promover uma "experiência de compra positiva para o cliente". 

Mas o que é experiência de compra?
0'/>

05/04/2017

CROSS MERCHANDISING NO VAREJO DE MODA

Riachuelo Ipanema- Rio
Cross Merchandising é uma técnica que tem por finalidade cruzar (cross) os produtos no ponto de venda que tenham entre si relação direta de consumo destacando-os entre os demais (merchandising). Essa técnica serve para lembrar o consumidor do produto (gerar interesse de compra) quando estiver comprando outro item e tem como objetivo aumentar as vendas de produtos através de técnicas de estímulo por associação.

Riachuelo Ipanema-Rio

0'/>