22/04/2015

OS LOUCOS ANOS 1920




Marketing é isto: através de pesquisas coletar informações sobre tendências e interpretá-las no desenvolvimento de seus produtos.

A moda, como se sabe é um reflexo dos costumes de alguma época e nos anos 1920 não foi diferente.
A década chega encontrando a Europa eufórica com o fim da Primeira Guerra (1914-1918), que devastou a economia mas levou pela primeira vez a mulher ao mercado de trabalho, substituindo os homens que encontravam-se no front.

Paris vira uma festa! O Charleston, ritmo importado dos Estados Unidos toma conta dos salões e os vestidos retos e curtos deixavam braços e costas à mostra, permitindo os arrojados movimentos da dança que movimentava os joelhos de forma frenética.
Mulheres com jeito andrógeno, cabelos curtos "à la garçonne", muito carmim, sobrancelhas finas e desenhadas, livre dos espartilhos, eram a síntese da sensualidade, que podia ser exibida também nas praias com os maiôs de Jean Patou. Foi também a década da consagração de Chanel, figura ímpar quando se trata de quebra de tabus, e de Joséphine Baker dançando seminua nos teatros.

Joséphine Baker 
   
                
                    History of Fashion 1920's - 1930's       

A arquitetura responde com o estilo Art-Déco, que trouxe a arte construtivista priorizando a funcionalidade. Os sucessos literários da época ficaram por conta de James Joyce com "Ulisses" e Scott Fitzgerald e seu "Contos da Era do Jazz". Nesta década o mundo conhece a arte de Picasso e Juan Miró, impregnados de surrealismo e aqui a Semana de Arte Moderna em 1922, reúne em São Paulo aqueles que dariam início a forma genuinamente brasileira de expressão cultural. Entre os nomes que se consagraram estão Oswald de Andrade, Tarcila do Amaral, Anita Malfati, Lasar Segall, Di Cavalcanti e muitos outros. Eram os ventos da loucura europeia soprando por aqui.

Divulgação da Semana de Arte
 Toda esta loucura terminou com a quebra da Bolsa de Nova York, em outubro de 1929, levando os grandes investidores à falência que acabaria repercutindo no resto do mundo e o período seguinte não podia ter outro nome senão "A Grande Depressão".

Mas os anos 20, conhecidos como "Les Annès Folles", continuam inspirando criadores de moda. Recentemente o estilo apareceu como forte tendência por conta do sucesso da Série de TV Downton Abbey, exibida em mais de cem países na Coleção Gucci Primavera 2012 ano em que a marca comemorou 90 anos, retratando as cores, o luxo e os traços fortes característicos da arquitetura art-dèco. E comemorou em grande estilo!

 

Ralph Lauren também bebeu na mesma fonte, criando modelos em tricô, tweed, usando dos chapéus cloche e das cinturas baixas:

Coleção Ralph Lauren- Inverno 2012

Créditos:
Imagens:
0'/>