03/05/2017

TIPOS DE LAYOUT DE LOJA: QUAL O MELHOR ?


Layout pode ser definido como o arranjo da estrutura interna da loja. É ele quem determina a localização dos equipamentos de exposição, a zona de caixa, área de descanso, local dos provadores, enfim todos os elementos que a loja vai abrigar. Existe um tipo ideal de layout? A resposta é não.Tudo vai depender do posicionamento da marca e dos produtos comercializados. Mas um bom layout deve preencher os seguintes requisitos:
  • privilegiar a circulação: consumidores não se sentem confortáveis em corredores apertados, Gostam de espaço para examinar os produtos sem a sensação de confinamento.
  • conduzir o consumidor a circular por todos os espaços da loja: criar estímulos ao longo do percurso como pontos focais, expositores diferentes, imagens de campanha, são algumas estratégias que funcionam para motivação do consumidor.
  • organizar a exposição facilitando a localização dos produtos: definir previamente onde e o que será exposto além de otimizar o espaço, favorece as compras por impulso já que pode-se montar uma exposição lógica, de fácil compreensão. Selecionar zonas por temas da coleção é um exemplo e vemos muito isto em lojas de departamento.
Existem vários tipos de layout aplicados ao varejo de moda:
  • layout de pista: a disposição dos expositores é feita em uma sequência que lembra uma pista de corrida. Um corredor principal que se abre para corredores secundários. Geralmente este tipo de percurso é definido por um tipo de piso diferente que instintivamente leva o consumidor a percorrê-lo. A loja Centauro escolhe este tipo de layout simbolizando uma pista de atletismo, já que seu mercado-alvo é esportivo. Muito utilizado também em lojas de pequenas/médias dimensões, tirando partido da extensão das paredes e expositores na área central em forma de mesas de apresentação.
Layout de pista
Layout de pista
  • layout de fluxo livre: aqui os expositores são dispostos livremente porém é a organização dos temas da coleção quem vai definir o percurso do consumidor. É preciso muito planejamento para este tipo de layout, evitando uma exposição confusa na qual o consumidor se perde e não encontra o que procura.
Layout de fluxo livre
  • layout de arena: todos os tipos de layout devem obedecer este princípio. Expositores mais baixos no centro, elevando a altura quando se aproximam das paredes. Desta forma a visibilidade do interior da loja não fica comprometida e o consumidor tem uma visão geral do que é oferecido.
Observe na imagem abaixo que temos um exemplo de layout de fluxo livre com expositores móveis na área central variando no design e disposição. Apenas as paredes obedecem o mesmo design. Vemos ainda áreas de descanso e uma mesa de apresentação baixa que não dificulta a visibilidade do ponto focal.
Store layout - free flow floor plan
Layout livre

Em lojas de grandes dimensões para evitar a monotonia, o espaço é setorizado e ambientado com design diferentes criando o que se chama de layout de butique, ou lojas dentro de lojas. A impressão é que temos várias pequenas lojas em um só espaço. A área de moda esportiva é diferente da de moda íntima, que é diferente da moda infantil, da masculina etc.

Defina o layout de sua loja sempre se colocando na posição de um consumidor: o que quero vender é fácil de encontrar? consigo circular com conforto no interior da loja? Respondidas estas perguntas o resultado são boas vendas!



Comentários
Clique aqui e deixe seu comentário.

Créditos das imagens:
0'/>